sábado, 12 de dezembro de 2009

Encantos



Finalmente FÉRIAS!!!!

Ontem foi a festa á fantasia e agora eu vou contar tudo que aconteceu!Emoção a mil!!!!!

Decidi que vestiria a fantasia de mulher gato, e aluguei uma perfeita!!!

O Caco decidiu que não ia para a festa, queria dormir cedo e fazer uma boa prova no outro dia, além do mais ele odiou festa á fantasia.

Estava terminando de me maquiar quando Nane, Dako e Lipa entraram no quarto.

_Uau!!!-Nane gritou correndo em minha direção. -Você está linda demais!

Lipa riu:

_Está muito é sexy!Deixa o Caco ver...

_Lipa!-Eu reclamei olhando no espelho. –Não estou nada sexy, para com isso!

_Ta bom, não digo mais nada.

Fomos para a festa, estava muito animada, queria dançar muito.

Não preciso nem dizer que chamei muita atenção né?Afinal, mulher gato não é brincadeira não... E por isso mesmo eu adorei!As vezes é bom saber o quanto se é bonita.

Dancei muito, conversei, rir... Estava nesse pique todo quando resolvi descansar um pouco e então me afastei da pista de dança.

Comecei a tomar alguma coisa pra molhar a garganta e olhei contente para a pista de dança onde todo mundo dançava alegre comemorando as férias que finalmente chegavam.

Estava assim, pensando quieta quando algo que eu não esperava aconteceu.

_Maravilhosa Mary?-Ouvi uma voz atrás de mim.

O admirador secreto!Pensei surpresa. Me virei rapidamente, não via a hora de saber quem ele era.

Ele estava bem na minha frente, estava vestido de Batman... Eu só podia ver os seus olhos e a sua boca.

Os seus olhos eram azuis e brilhavam.

Fiquei parada olhando para ele, sem saber o que falar. Ele também ficou quieto e olhava dentro dos meus olhos.

Ficamos assim por alguns minutos, aqueles olhos azuis pareciam me hipnotizar, tão silenciosos e calmos... Mas encantadores!

_Dança comigo?-Ele pediu.

Sua voz era grossa e ao mesmo tempo suave, eu poderia flutuar ao ouvi-la.

_Sim. -Disse sem saber o que fazer... A única coisa que eu queria era que ele tirasse a máscara.

Fui conduzida para o salão de dança e ele me abraçou. Eu podia sentir o seu perfume...

Dançamos, calados... Eu podia ouvir a sua respiração ofegante que tocava levemente o meu rosto.

Quando voltamos para o mesmo lugar que estávamos antes, ele segurou em minha mão.

_Você é tão encantadora como eu achei que fosse.

Aquela era a hora. Toquei levemente seu rosto e pedi:

_Me deixa ver o seu rosto.

Ele se afastou alguns centímetros.

_Não posso, Mary.

_Mas por que não?Eu preciso saber quem é você!

Ele continuou calado, mas os seus olhos não desgrudavam nem um segundo dos meus.
_Você não vê que está me deixando maluca?Eu preciso saber quem você é... Eu nem me importo com aparências... Por favor, eu não suporto mais todo esse segredo.

_Será que você pode me entender, Mary?-ele perguntou se aproximando de mim e segurando novamente em minha mão...

_Eu tenho uma idéia melhor... –propus.

Ele nada disse.

_Você me esquece, eu te esqueço e tudo vai voltar a ser bom como antes...

_Como você pode me pedir uma coisa dessas?-sua voz falhava. -O pouco que eu sei de você é suficiente para nunca mais te esquecer... Antes de você eu não vivia de verdade, Mary!

_Então me deixa ver o seu rosto...

_Não... Eu não posso.
Também não disse mais nada, fiquei chateada demais.

Ele se aproximou lentamente de mim, e eu podia sentir sua boca muito próxima a minha... Mais um passo e nossas bocas trocariam um beijo.

Meu coração parecia que iria sair do peito tão forte que batia, aquela proximidade estava me deixando sem ar...

Olhei para os seus lábios e os vi mexerem lentamente sussurrando:

_Eu te amo, Mary...

Nesse momento ele deu o passo que nos separava de um beijo...

Foi então que me lembrei de Caco pela primeira vez na festa.

_Não!-Me afastei impedindo que sequer os nossos lábios se encostassem... –Eu amo o Caco!

Disse alto o suficiente para tentar convencer a mim mesma de que aquele rapaz na minha frente não exercia poder nenhum sobre mim.

Virei às costas para ir embora de vez daquela festa... Mas antes de sair olhei para trás... O admirador continuava parado no mesmo lugar, seus olhos olhavam para os meus apesar da distância.

Os seus olhos tinham o mesmo silêncio de antes, mas dessa vez uma lágrima brilhava e insistia em cair...

Respirei fundo e olhei para frente. Mesmo depois que cheguei em casa aqueles olhos não saiam mais da minha cabeça. Azuis, silenciosos e com uma lágrima...

8 escreveram:

Felicidade Clandestina. disse...

aaah \o/'

olha, te disse naquele dia.
que a fantasia de mulher gata era perfeita neah (:
pelo victo foi tudo bem.

Bj :*

Brunna disse...

Fantasia de mulher gato? Perfeeeeeeeita! :)
Beijos

Costureira de estrelas. disse...

Obrigada pelo comentário em meu blog!
Por demais agradecida!
Passe sempre que quiser pelo meu céu ;)
Beijos :**

mônica lidizzia disse...

Fiquei pensando o tempo inteiro que o Batman fosse o Caco.. História bacanásima, parabéns!

bjnhs

Hosana Lemos disse...

nem me fale em férias, não vejo a hora das minhas chegarem por completo!
\o/

hehehe'


bjus

''Tay' disse...

\õõõ/
até que fim apareceu o admirador secreto, tô anciosa pra saber o que isso vai virar.

bjus floor ;*

Shampoo Azul disse...

ÔÔÔÔÔ é verdade? rsrs
Gostei da história hehe

Obrigada por gostar do meu blog!!

beijinhos

Marie disse...

sem palavras, ta lindo .-.

Template by:

Free Blog Templates