domingo, 14 de março de 2010

Despedida - Parte III


             Leia antes: Despedida - Parte II

           André se virou ao ouvir minha voz. Os seus lábios estavam abertos num sorriso, num belo e maravilhoso sorriso.
            _Oi?-Ele perguntou com a voz rouca.
            Foi então que me lembrei de Daisy e do Caco.
            Eu amava o André, agora tinha certeza disso.
            Mas Daisy estava com ele e Caco comigo, eu não podia simplesmente ignorar tudo.
            Não podia dizer eu te amo sem medir as conseqüências.
            O meu amor não poderia machucar outras pessoas.
            Se eu dissesse que o amava quem ficaria feliz?Caco?Daisy?André?
            Eu não poderia declarar um amor que só faria feliz a mim mesma, não poderia magoar as pessoas que eu amava.
            Olhei para André e com a voz embargada pela dor disse:
            _Promete que vai me visitar?Promete que não vai ficar longe de mim mais oito anos?
            Ele sorriu:
            _Sim, eu prometo. -disse colocando a mão na testa em sinal de continência.
            Ao ver que eu não falaria mais nada ele se virou e foi embora.
            Só então permiti que as lágrimas queimassem minha face.
            Eu estava deixando que minha felicidade fosse embora com o André.
            Estava abrindo mão de um amor que estivera comigo desde a minha infância, mas que eu só descobrira agora.
            Papai caminhou para perto de mim e me abraçou.
            _Querida... Está tudo bem?Você não quer ir embora?Quer ficar aqui?
            Chorei calada e então sem nada dizer entrei no ônibus e este deu partida.

                                                                                  Continua
 ----------------------------------------------------
Ps: E então? O que achou da decisão de Mary? Me conta...!
Ps²: Visitem Em busca de algo mais e comentem. Espero por vocês lá.
Obrigada e mil beijinhos!!!

40 escreveram:

Luciana disse...

Oi Tania

Sinceramente gostei da decisão acho que eu faria o mesmo, como tu escreve bem parabéns teu blog é muito legal.
Bjs e bom domingo
Lu

Pérola disse...

Amiga,eu fiquei triste.
Adoro finais felizes rs.
Beijokas.

Elaine França disse...

Que lindo... TÁ linda demais essa história!!!
Seu blog é uma inspiração pra mim!
bjooo

Meri Pellens disse...

Olha, será que o Caco será feliz com uma mulher q ama outro? E a Dayse a Mary bem sabe q ama outro. Pô, aqui a Mary se sabotou legal. Aff...
Bjok.

ஜ♥_Karolina_♥ஜ disse...

tania estou adorando. Mary, como toda menina, fica pensando na consequencia de seus sentimento e nao consegue agir por impulso e se declarar. Vamor esperar, um dia ela cria coragem.

Leidiane disse...

A ela foi racional.. Ela não pensou só nela!
Não deixa de ser uma atitude bonita..
Bjos ;*

Larissa disse...

Por mais que a felicidade teria sido apenas a dela, o mundo é egocêntrico, cada um tem que pensar na tua felicidade. Se eu fosse ela, teria me arrependido. Nunca dormi na vontade, por mais que arrependesse depois, faria.

Um beijo.

Tudo Girl! disse...

aaa eu nao acredito q ela nao falo pra ele! :/

volta la?
bj :*

Desabafando disse...

E a Mary nem quis saber porque o André foi atrás dela na estação? Acho que ela perdeu uma oportunidade de saber o que se passava na cabeça dele e se ele gostava dela.

Carol disse...

Oie!
to visitando seu blog pela primeira vez hj... e logo de cara gostei bastante.. sua historia me deixou com gostinho de quero mais.. rs..
Vou seguir e aguardar anciosa o desfecho do conto..

Um grande bju "Carol"

Mayla disse...

oie!achei que ela ia contar:(
to amando tua história!
bjos
mah

disse...

Suas historias são fantasticas, muito bem escritas. Parabéns.
Obrigada pela visita, volte sempre!

Letícia Mariano. ღ disse...

Ela não falou... =/


Lamentando por ela... perder esse amor! (quem sabe agora o André não se mude pra lá, hein? huaha)


Aiin.. *-*

A Magia da Noite disse...

às vezes a vida coloca-nos perante situações que nos forçam a escolher o que é pior para nós em detrimento do que faz falta aos outros, é um gesto de humanidade ser capaz do sacrifício.

Gêsa disse...

Essa coisa de se sacrificar pelas pessoas que ama e muito bonita, mas eu no lugar dela teria declarado meu amor. Não se pode deixar de ser feliz por "quase" ninguém.

Beeijoos.

Ana Carvalho disse...

ai, quando virar livro eu quero autografado..
queria ter entrado no ônibus também.. mas eu sou fraca e minha força de vontade é mais fraca ainda.

Debbys disse...

ahh, ela devia ter dito que amava eleee!!! =]
bjsss

Thaisa Schelles disse...

O seu jeito de pensar no outro é realmente encantador, você podia não medir nada e se entregar, dizer que o amava, mas pensou em quem se magoaria nessa história...linda atitude.

Beijos

Babih Xavier disse...

A Mary negou um favor ao coração em nome da felicidade de outros... apesar de triste e doloroso, acho que ela será recompenssada por tanta honestidade...

Lara Lima disse...

Ah naooo,partiuuu???

Pérola disse...

Uma lindo noite minha bela.
Beijos.

Deni Maciel disse...

despedida é triste =/
mas tem horas q é inevitável;;

*-*
darei uma sumidinha.
mas em breve retorno.
espero que na posição de o homem mais feliz do mundo...
um abraço e deixo o PUMsamento do dia:
"se varizes também são hemorróidas...
estrias são gonorréias ?...
by Cúgumelo do Sol"

''Tay' disse...

Ounh *-*
a história tá ficando cada vez mais linda.
tô adorando.

bjus =*

Paty =] disse...

aaaaah que tuuuuuudooooooooo!
meeeu Parabeeens, voce escreve beeeem demais

Ju Fuzetto disse...

Tá ficando cada vez melhor!!
To adorando!!
Beijosssssssssssssssssssssss

Fernanda disse...

ah não gostei da descisão dela não,duvido que que a dayse goste do andré tanto assim.

Flausm... disse...

Obrigadissimo pela visita!
Que bom que gostô do meu cantinho!
Seja sempre bem vinda!
Achei interessante seu blog, ima proposta diferente e ótima!
bjão!!

Happy Five Friends disse...

Eii Flor ♥
quantoo tempo naum aparecee maiix lá ><
Vii aqiii pra vê como vooc está espero que esteja beiim!! pq seu blog taah shoow..
Flor eu preciso deum favor conhecii uma meniina e ela me pediu ajuda pra divulgar o blog dela posso contar com vooc??^^

http://happyfive-friends.blogspot.com

o delaa:
http://encalhadasdeplantao.blogspot.com

ஜ♥_Karolina_♥ஜ disse...

oi
obrigada por mais essa visitinha. Tenha um bom dia. bjos ^^

Rebeca Amaral disse...

Nossa! Belo texto. Obrigada pelo carinho. Um beijo, flor. Adorei isso aqui!

paraiso disse...

Mágina querida, espero que tenha ajudado =D

Beijos.

Pérola disse...

Beijos minha linda.

●๋• тнαi иαรciмєитσ disse...

Ah,a sinceridade era uma opção melhor, na minha opinião. Claro que seria difícil explicar tudo aos amigos e ao namorado, mas é melor do que continuar vivendo uma mentira...

Louca pra ver como isso vai terminar.

:)

THAYSA AGUIAR disse...

O seu blog está lindo ! PARABÉNS Õ/

Seguindo o seu blog, segue o meu? :)

DE INVERNO A VERÃO: http://www.deinvernoaverao.blogspot.com/

Bjz, agradeço desde já a colaboração.

Flavia C. disse...

Ela foi muito legal. Ela pensou em todo mundo, não foi egoísta.
Cada dia melhores as histórias,Tânia parabéns!

Rafa Cullen disse...

Me identifico demais com a Mary. Já fiz isso, de esconder um amor pra não machucar outras pessoas ^^
É uma atitude dolorosa, mas acho que vale a pena sim...
Beeijos =*

Patriny Marcelle disse...

O que eu achei da decisão de Mary? Sinceramente.... Horrível. Caramba ela tinha, quero dizer TEM que ficar com o André. Pq ela não "Eu te amo", ela não tinha nada a perder. Ia embora mesmo. A vai, fala sério. Nãos gostei desse capítulo não, rsrs.
Beijinhos

Ellen_krys disse...

Muito legal...vc é super criativa e escreve muito bem.
Obrigada pela visitinha...mil bjokas.

Taddeu Vargas disse...

Olá Tania, quando sai o quarto capítulo? Tá ótimo guria! Escreves muito bem! Manda ver! Voltarei aqui para acompanhar teu trabalho! Parabéns pelo blog, tá muito bonito! Abraço forte.

Miss-Strawberry disse...

ahhhh não! eu sou adepta de finais felizes novelísticos!hehehehe

Template by:

Free Blog Templates